segunda-feira, 5 de novembro de 2007

Deixei na mesa
O copo d'água
Deixei também a fé...
Atrás da porta
Até parece apanhador
De borboletas
Mas é coador de café
Quando acordar
Basta adoçar com mel
Alimentar os desejos
Que alma transborda;
Lá no pote tem biscoito
E tudo mais que importa...

Um comentário:

mona lisa disse...

Oi Cristiane ... desta tua nova leva ... este foi o que mais gostei ...

que delicia a brincadeira entre o apanhador de bosboletas e o coador de café ... o mais fantástico da poesia é sempre isso poder reinventar e brincar com as coisas, ver sentidos diferentes até para o pote de biscoitos

abraços ... com meus ventos e momentos

www.monalisabudel.blogspot.com